Siemens Mobility lançará primeiro bonde autônomo do mundo

A Siemens Mobility, junto com a ViP Verkehrsbetrieb Potsdam GmbH, afirma que apresentará o primeiro bonde autônomo do mundo na InnoTrans 2018, uma feira global de transporte realizada na Alemanha.

Em uma seção de seis quilômetros da rede de bonde em Potsdam, Alemanha, a Siemens Mobility fará uma demonstração do bonde de teste enquanto ele dirige de forma autônoma no tráfego real de 18 a 21 de setembro, diz a empresa.

Com capacidade de inteligência artificial, o bonde responde aos sinais do bonde ao lado da via, para em pontos de bonde e reage de forma autônoma a perigos como cruzar pedestres e outros veículos. A Siemens Mobility é a primeira empresa a lançar um bonde autônomo para fins de pesquisa e desenvolvimento.

“Esta estreia mundial demonstra como estamos moldando ativamente a mobilidade do futuro”, disse Sabrina Soussan, CEO da Siemens Mobility, em um comunicado à imprensa.

A ViP forneceu um bonde Siemens Combino para o projeto. Este veículo experimental está equipado com múltiplos sensores lidar, radar e câmera que servem como “olhos digitais” para capturar imagens do bonde e seu ambiente de tráfego, a empresa diz sobre seu projeto de pesquisa.

“Ao mesmo tempo, algoritmos complexos funcionam como um ‘cérebro’, interpretando e avaliando dados da situação operacional momentânea, fornecendo um prognóstico para o desenvolvimento posterior da situação e, em seguida, desencadeando uma resposta adequada do bonde”, diz o comunicado de imprensa.

“Nosso bonde autônomo já pode dominar as tarefas operacionais essenciais no tráfego rodoviário real neste estágio de desenvolvimento”, diz Soussan.

“Contando com o sistema de aviso de colisão ‘Siemens Tram Assistant’ sendo usado em, entre outros lugares, nosso bonde Avenio M operando em Ulm, Alemanha, já alcançamos a maturidade em série – um marco importante no caminho para a direção autônoma. Ao tornar os trens e a infraestrutura inteligentes, podemos garantir a disponibilidade e aumentar a segurança em viagens locais e de longa distância. ”

O bonde experimental usado para demonstrar a direção autônoma na estreia mundial não foi projetado para uso comercial.

O projeto atual visa identificar os desafios tecnológicos da direção autônoma em condições da vida real, desenvolvendo e testando soluções para eles. A continuação da cooperação já está sendo discutida com a ViP, diz o comunicado.

Os organizadores dizem que a InnoTrans é a principal feira internacional do setor, ocupando todos os recintos de exposições de Berlim.